Autor: Mendonça Carvalho

OAB Fase 1 – Resumo de Empresarial

OAB Fase 1 – Resumo de Empresarial  Por Leonardo Lacerda e Revisão de Guilherme Cruz   Teoria Geral da Empresa   No Brasil foi adotada a teoria do empresário, assim para que possa ser caracterizado como empresário precisará efetivamente agir de acordo com a forma empresarial, ou seja, agir com profissionalismo.   Art. 966. Considera-se empresário quem exerce profissionalmente atividade econômica organizada para a produção ou a circulação de bens ou de serviços.–> Profissionalismo – tendo requisitos como: habitualidade, pessoalidade (não só dele mas também de todos envolvidos na atividade).   Atividade Econômica – em tudo vemos uma atividade econômica sendo exercida, como exemplo, ao utilizar energia em casa, água, gás etc.   Organizada – capital, mão-de-obra, insumos e tecnologia.     Produção, circulação de bens e serviços – o empresário irá utilizar todos esses elementos acima para produzir bens, já o comércio circula o bem, ou seja, como exemplo, compra um carro da indústria e repassa ao mercado. A produção de serviços, exemplo: a lavanderia citada pelo professor, já no caso da circulação de serviços, como o Groupon, este será o intermediário entre o prestador de serviços e o consumidor, no mesmo sentido vemos uma agência de viagens.     Parágrafo único. Não se considera empresário quem exerce profissão intelectual, de natureza científica, literária ou artística, ainda com o concurso de auxiliares ou colaboradores, salvo se o exercício da...

Read More

Provas da OAB – Direito Penal Resumo

Provas da OAB – Direito Penal Resumo   Por Leonardo Lacerda e Revisão de Guilherme Cruz   TEORIA DO CRIME   Conceito analítico: fato típico, antijurídico e culpável.   Fato típico — conduta, Ação ou omissão humana voluntária regida pelo dolo ou culpa. Resultado naturalístico, é a modificação que o bem jurídico sofre devido à conduta.   Os crimes de mera conduta não possuem esse resultado, pois a violação causa um resultado real, apesar de termos uma violação jurídica. Ex: de direitos autorais.     Nexo causal vem a ser a relação jurídica estabelecida no caso concreto.   Assim,...

Read More

Provas da OAB – Dicas das Principais Matérias

Provas da OAB – Dicas das Principais Matérias   Por Leonardo Lacerda e Revisão de Guilherme Cruz   Direito e Processo do Trabalho: 1º dica: Características do vínculo de emprego: O doméstico não tem habitualidade, sim continuidade. 2º dica: *Terceirização –> contratação de mão-de-obra por meio de empresa interposta, contratando atividade meio ou fim Na administração pública não haverá vínculo, a não ser que seja provada a culpa in eleigiendo e in vigilando. 3ª dica: O estagio (Lei 7788/78) prazo máximo de 2 anos. 4ª dica: O poder de direção do Diretor, exercendo a fiscalização com certos limites em...

Read More

OAB Direito Civil – Resumo para Provas

  OAB Direito Civil – Resumo para Provas   Por Leonardo Lacerda e Revisão de Guilherme Cruz   PARTE GERAL :   I – Pessoas, subdividido em: Pessoa natural (personalidade, capacidade, Direitos da personalidade e ausência), Pessoa Jurídica e Domicílio.   Dentro deste tópico em personalidade dividimos em: conceito, início e forma de extinção, o qual falaremos a seguir   II – Bens   III – Fatos Jurídicos   I – DAS PESSOAS   PESSOA NATURAL   PERSONALIDADE   Primeiramente, veremos o tópico “Das Pessoas”. Trataremos do nascimento da personalidade.   Conceito: Personalidade é a capacidade de adquirir direitos...

Read More

Processo Civil – Resumo para Provas da OAB

Processo Civil – Resumo para Provas da OAB   Por Leonardo Lacerda e Revisão de Guilherme Cruz   O CPC/15 entrou em vigência no dia 18/03/2016, sendo assim veremos a seguir:   PI (Petição Inicial) distribuída no CPC/73) e a sentença saiu em (15.03), com publicação em (16.03.2016), iniciando-se o prazo no dia (17.03.2016), deste modo a contagem do prazo iniciou-se no código de 73, devendo observar este diploma legal, independente de estar na vigência do novo.   O rito sumário do CPC/73 foi revogado, sendo criado o Rito Comum no Art.318 CPC/15 e Rito especial no parágrafo único...

Read More